PARABÉNS BRASIL !


Meninos do meu coração,
Sou o Brasil, o seu país,
um país grandão,
cheio de políticos na contramão,
de pessoas em solidão
individualistas,
consumistas, egoístas...

Produzo pão de montão,
alimentos de encher caminhão
sou uma vastidão de terra e água,
florestas, 
e tudo de bom,
meu coração é imenso, farto,
o mundo todo está de olho
em minha extensão...

Grandes bacias hidrográficas; 
sede, vocês não vão passar , não!
Só não entendo,
que sendo esse gigante
muito do que os homens produzem
é veneno:
na água, na plantação...

E a miséria irrompe,
e a educação não consome
a ignorância
nem do rico e nem do pobre, 
nessa vastidão!
E há mortalidade infantil,
e há crianças em prostituição
nesse imenso Brasil...

Ei, meninos, mas a culpa, não é minha não!
Eu ofereço tudo
o de que precisa uma nação!
E Continuo pobre!
Porque há 'mensalinho' e 'mensalão'!
É uma doença crônica
essa tal corrupção!

E nascem políticos para me governar
sempre com a mesma sedução:
Dou-lhe uma camiseta
se em mim votar!
Não?
Uma cestão básica, então?

E meu povo é viciado, 
com restaurantes a um real,
e o alimento sai da fazenda do patrão!
Bolsa família, quando estudar é uma obrigação!
Meu povo não percebe, 
que trabalhar é o correto
para fortalecer o homem
e dar-lhe dignidade...
Isso sim, é realidade!

Vem cá, meu menino brasileiro,
Ajude-me a pensar:
- o que a sua geração fará?
copiará esse modelo?
Renunciará a tanta podridão, 
ou eu continuarei sendo
Um Brasil Brasileiro, 
sem dinheiro na mão!



Nenhum comentário:

Postar um comentário