HOMEM TRANSFORMA SEU GATO MORTO EM UM DRONE

Bart Jansen quis fazer uma homenagem a seu gato que morreu e o trnasformou em um drone
  • Bart Jansen quis fazer uma homenagem a seu gato que morreu e o trnasformou em um drone
O holandês Bart Jansen é um inventor profissional e taxidermista amador. Ele ficou famoso por criar um drone com o corpo empalhado de seu gato de estimação, Orville.
Jansen começou a colecionar animais mortos e empalhá-los em 2007, ao trabalhar na publicação Observer's Book of Roadkill ("Livro do observador de animais mortos nas estradas" em tradução livre).

Ele participou de aulas de taxidermia (a arte de empalhar animais), mas diz que não é o melhor taxidermista do mundo - e ainda pede ajuda a profissionais para agilizar o trabalho.
Jansen diz também que, apesar de ser um inventor, não é muito fã dos drones e de vôos operados por controle remoto.
Por isso, se associou ao engenheiro Arjen Beltman, especialista em drones, para fazer seu gato voar.
Ele disse que quis fazer uma homenagem a seu gato, cujo nome emprestava de Orville Wright, um dos irmãos inventores dos Estados Unidos aos quais os norte-americanos atribuem a criação do avião.
"Com isso em mente, o monumento ao meu gato morto tinha que voar. Desenhei um gato com uma hélice saindo das costas e disse: 'façamos um helicóptero'".
"Trabalhamos no helicóptero Orville durante um ano, de forma intermitente. O custo foi de 2.500 euros (R$ 8.750) somente com materiais, sem contar as horas de trabalho especialista".
FONTE : UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário