10 agosto 2016

CICLISMO : Zona Oeste tem ruas interditadas para prova de ciclismo da Olimpíada

Nesta quarta-feira (10), por conta da prova de ciclismo contrarrelógio da Olimpíada, o tráfego vai ficar mais difícil na região do Pontal, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio. As interdições começaram no dia 8, com bloqueios de 24 horas da Avenida Lúcio Costa (trecho junto a orla, entre as avenidas Albert Sabin e Gilka Machado) e parte da Avenida Gilka Machado.
Resultado de imagem para CICLISMO
De acordo com o site Cidade Olímpica, da Prefeitura do Rio, além das ruas já fechadas no dia 8, o tráfego geral será interrompido a partir da 0h na Avenida Estado da Guanabara e Estrada do Grumari.
Às 5h será fechado um trecho da Avenida das Américas, na Serra da Grota Funda. Às 6h30 começa o fechamento da Avenida Gilka Machado, Estrada do Pontal e Estrada Roberto Burle Marx.  A abertura das vias está marcada para começar às 14h.

De acordo com a CET-Rio, durante o horário das interdições os moradores não poderão circular nas vias de competição. Os atletas iniciarão a competição às 8h30, na altura da Praça Tim Maia e seguirão pela Rua Projetada 1W, Estrada do Pontal, Rua BW Projetada, Rua Paulo Tapajós, Estrada da Guanabara, Estrada do Grumari, Estrada Velha da Barra de Guaratiba, Estrada Roberto Burle Marx e Serra da Grota Funda e voltarão pela Estrada do Pontal e Avenida Lúcio Costa. O fim da prova está previsto para às 13h20.

A CET-Rio orienta os motoristas a dar preferência à utilização da Avenida das Américas, em ambos os sentidos, durante as interdições. Os veículos que trafegam pela Estrada do Pontal, no sentido Barra, serão desviados  pela Estrada do Pontal, Rua Zélio Valverde, Avenida Guiomar de Novaes e Avenida Genaro de Carvalho.  Já os veículos que seguem pela Avenida Lúcio Costa no sentido Guaratiba, deverão seguir pela Avenida Gláucio Gil, Avenida Genaro de Carvalho e Avenida Guiomar de Novaes.
Somente moradores credenciados podem passar até às 6h30. Mas depois tudo ficará bloqueado. A prova feminina tem largada às 8h30 e a masculina às 10h, da Praça do Pontal. O percurso feminino é de 30 quilômetros e o masculino, de quase 50 quilômetros, passando pela Serra da Grota Funda, Estrada do Pontal e voltando ao ponto de partida. As provas são longas e por isso, as ruas só voltam a ser desbloqueadas à tarde, por volta das 13h30.
O circuito, embora passe pela Avenida das Américas, não vai atrapalhar tráfego do BRT. Os ciclistas passam por uma passagem subterrânea. Como a Avenida Lúcio Costa vai estar interditada na região, motoristas devem optar pela Avenida das Américas, que não tem faixa olímpica naquele trecho.
Cerca de sete mil moradores de Barra de Guaratiba vão ficar ilhados, sem poder sair de casa por causa da prova de ciclismo contrarrelógio.O comerciante Berato do Camarão contou que todos os moradores foram informados das restrições com antecedência e puderam se preparar.Os modoradores contaram que estão curtindo a Olimpíada. Esta é a terceira vez que a região tem ruas interditadas para provas de rua.
Veja abaixo as principais interdições por causa da prova:

Segunda (8) a partir de 0h:
Avenida Lúcio Costa, sentido Barra, entre Avenida Gilka Machado e Avenida Albert Sabin.

Terça (9) a partir da meia noite até meia noite de quarta (10):
Avenida Lúcio Costa, sentido Barra, entre a Avenida Gilka Machado e a Avenida Albert Sabin;
Avenida Lúcio Costa, sentido Guaratiba, entre a Estrada Benvindo de Novaes e a Avenida Gilka Machado.

Quarta (10) até às 14h:
Além dos bloqueios já implantados:
A partir de 0h
Estrada da Guanabara;
Estrada do Grumari.

A partir das 05h
Serra da Grota Funda;
A partir das 06h30
Estrada do Pontal, ambos os sentidos, em toda extensão;
Estrada Roberto Burle Marx, ambos os sentidos, em toda extensão.
FONTE : G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens populares

MAIS LIDA

Postagens populares