Delegacia e câmara são incendiadas no Maranhão.


Delegacia incendiada, câmara destruída, BR interditada, confronto e prisões marcam o sábado tenso em Igarapé do Meio

Por: William Junior, em 31 /10 /2015, ás14h49
Os moradores do município de Igarapé do Meio viveram um sábado tenso, marcado por muita confusão, após uma manifestação de moradores que foram retirados de um terreno no município invadido por eles. A reintegração de posse ocorreu esta semana e deixou os moradores insatisfeitos.
delegacia igarape
Fotos: Alex Carlos
Na manhã deste sábado (31), os manifestantes bloquearam nos dois sentidos a BR 222, que dá acesso ao município. Com troncos de árvores e com pneus queimados, a BR ficou totalmente bloqueada. Entrada de estradas vicinais também foram bloqueadas pelos manifestantes.
incendio igarape

No inicio da tarde, os “sem terra” incendiaram a Delegacia de Polícia Civil da cidade, em protesto a prisão de um dos manifestantes. A câmara de vereadores foi depredada e eles ameaçavam incendiar outros prédios.
Ainda durante a tarde, cerca de 20 policiais do 7º Batalhão chegaram ao local e encontraram a delegacia em chamas e foram desobstruir a BR que ainda estava interditada. A partir daí houve uma intensa correria e iniciou o confronto. De um lado a PM que precisou usar balas de borrachas e do outros os manifestantes que jogavam pedras e garrafas contra os policiais.
Quatro pessoas acabaram sendo detidas em meio à confusão. Elas foram levadas para a delegacia de Santa Inês para serem autuadas em flagrante. Nenhuma teve o nome divulgado.
De acordo com o tenente Thiago Brito, a força policial permanecerá no local para evitar novos atos violentos. “Vamos nos manter o tempo necessário para estabelecer a ordem. As pessoas que foram presas serão conduzidas para a regional de Santa Inês onde serão realizados os devidos procedimentos”, afirmou o tenente.
Por volta das 16 horas a Polícia conseguiu dispersar os manifestantes e liberar a rodovia. A ação contou com o apoio do Grupo Tático Aéreo.
NOTA
A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) informa que quatro pessoas foram presas e autuadas pela Polícia Civil após iniciarem incêndio criminoso na delegacia de Igarapé do Meio.
Apesar do incêndio, nenhum patrimônio da Polícia Civil do Maranhão foi de fato danificado. O fogo causou dano unicamente a veículos que estavam apreendidos na delegacia.  A extensão do prejuízo ainda será avaliada pela Polícia Técnica.
O tumulto foi gerado após uma operação de reintegração de posse, e também atingiu a Câmara dos Vereadores de Igarapé do Meio, mas foi totalmente controlado pela ação da Polícia.
Para garantir a paz e a tranquilidade, o policiamento vai continuar reforçado da região do incidente
Fonte :PORTAL PINDARÉ

Nenhum comentário:

Postar um comentário